Você está em:
Site > Fotos > Homenagem à Faculdade Nacional de Medicina >

DSC00614
DSC00609
DSC00606
DSC00600
DSC00594
DSC00577
DSC00618
DSC00585
DSC00573
DSC00678
DSC00688
DSC00704
DSC00711
DSC00696
DSC00694
DSC00734
DSC00721
DSC00741
DSC00738
DSC00505
DSC00743


Homenagem à Faculdade Nacional de Medicina
No encontro do Conselho de Minerva no mês de julho (4 de julho de 2008) foi homenageada a Faculdade de Medicina da UFRJ pela passagem dos seus 200 anos de Fundação.
Fez a saudação oficial o Conselheiro Emérito Pietro Novellino (ex-Reitor da UNI-RIO e ex-Presidente da Academia Nacional de Medicina) que ressaltou a influência da Faculdade na fundação da Academia.
Coube ao Professor José Marcus Raso Eulalio, Vice-Diretor da Faculdade, apresentar a trajetória história e ao Diretor, Professor Antonio José Alves Da Cunha, agradecer as homenagens.
Na ocasião foi ainda debatida a situação precária dos Hospitais Universitários. Foi acordado que o Conselho de Minerva lançará campanha entre os candidatos a vereador nas eleições desse ano para apoio aos Hospitais, no que foi prontamente assumido pelo Dr. Jorge Teixeira (Presidente licenciado da Associação dos Antigos Alunos da Faculdade de Odontologia e candidato a Vereador).
O Presidente do Conselho dos Reitores das Universidades Brasileiras, Dr. Julio César da Silva (Reitor da UNIG) aceitou ainda a proposta de uma ação conjunta com o Conselho de Minerva, apresentada pelos Conselheiros Paulo Alcântara Gomes (Reitor da Universidade Castelo Branco) e Sebastião Amoêdo (Vice-Presidente Executivo do Conselho de Minerva), para sensibilizar as autoridades e a sociedade quanto a importância de tais hospitais. 
Para perenizar o momento foi presenteado à Faculdade de Medicina um estudo a óleo sobre tela, de Arlindo Machado, do famoso quadro "Uma Visita a Esculápio" de autoria de Sir Edward Poynter (Reino Unido, 1836-1919). custeado pelos ex-alunos de medicina Bérgson Maciel Pinheiro. Cláudio Stillner, Oswaldo Moura Brasil e Vera Oswaldo Cruz, além dos amigos Giuseppe Luigi Maiollino e Victor Gonçalves, ambos da AMA-UFRJ.
Esculápio, para os romanos ou Asclépio, para os gregos, era o deus que fazia curas. Seu cajado, com uma cobra enrolada, originou o símbolo da medicina.

RSS deste álbum RSS Feed  |  Desenvolvido a partir de zenphoto por andré mafei